Polin Museum, Varsóvia🇮🇩

A história antiga em uma moderna Varsóvia

Que Varsóvia foi totalmente destruída pelos alemães na Segunda Guerra, isso já sabemos. E por isso a cidade é praticamente “nova”, pois a guerra acabou há apenas 71 anos e nesse tempo a cidade veio se modernizando.

Um bom exemplo disso é o “POLIN Museu da História dos judeus poloneses“, que é um museu localizado no antigo gueto de Varsóvia.

polin-museum-01

O museu apresenta uma exposição narrativa multimídia sobre a comunidade judaica que floresceu na Polônia por mil anos até o Holocausto. O belo edifício, uma pós-moderna estrutura em vidro, foi projetado pelos arquitetos finlandeses Rainer Mahlamäki e Ilmari Lahdelma.

Na frente do museu está o Monumento aos Heróis do Gueto que é um monumento em comemoração ao Levante do Gueto de Varsóvia de 1943, durante a Segunda Guerra Mundial. Ele está localizado na área que antigamente era uma parte do Gueto de Varsóvia, no local onde o primeiro confronto armado da revolta ocorreu.

O museu é um prato cheio pra quem gosta de arquitetura, o interior dele é ainda mais surpreendente, com uma estrutra cheia de formas e curvas.

A Exposição ocupa mais de 4.000 metros quadrados de espaço. É composto por oito galerias que documentam e comemoram a história da comunidade judaica de mil anos na Polônia, uma vez que a maior comunidade judaica do mundo e que foi quase totalmente destruída durante o Holocausto. A exposição inclui uma narrativa multimídia com instalações interativas, pinturas e histórias orais, entre outras funcionalidades criadas por mais de 120 estudiosos e curadores.

Para conhecer mais sobre a história dos judeus poloneses, o museu é aberto todos os dias com exceção das terças-feiras.
O valor da visita guiada é de 35pln (mais ou menos R$35)
Para mais informações, acesse: www.polin.pl

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *